.Vá, cusca lá =)
.Recently hearts

. E quem diz de que da dist...

. ...

. Lovers of my life.

.favoritos

. momentos

. Love Letter.

. natureza.

. #10

.pesquisar
 
.subscrever feeds
Sexta-feira, 17 de Dezembro de 2010
Digam-me: Há realmente palavras para descrever isto?!

 

 

 

 

 


"Para quem se perguntava se o Pavilhão Atlântico não seria grande demais para os 30 Seconds to Mars, bastava entrar na sala à beira Tejo para perceber que não. A inexistência de clareiras sem pessoas era evidente e foi mais tarde confirmada por Jared Leto: 18 mil pessoas assistiram ao regresso dos norte-americanos à capital portuguesa.

 

A popularidade do actor e mentor do grupo não deve andar longe da razão para todo este culto, mas a verdade é que em terras lusas os autores de "A Beautiful Lie" nunca vão ser mal recebidos. Um entendimento de parte a parte que foi coroado por Leto como «o melhor concerto da digressão». E toda a gente acreditou nele.

 

Desde a introdução com o vídeo de 'Hurricane' a passar na íntegra nos ecrãs, até ao final com um 'Kings and Queens' a milhares de vozes, tanto Leto como o público puxaram dos galões na arte de entreter. O primeiro porque insistiu no seu hábito de pedir a intervenção da assistência. O segundo porque respondeu à boa maneira portuguesa. E como se sabe, pedir a um português que se manifeste num concerto é meio caminho andado para tudo correr bem.

 

Claro que os temas de "A Beautiful Lie" e de "This Is War" também ajudaram e muito. Sobretudo quando são cantados em uníssono. Tanto os mais musculados, 'A Beautiful Lie', 'Attack', 'This Is War' e 'Closer to the Edge', entre eles, como a sequência em acústico e a solo à guitarra, onde se ouvem 'From Yesterday', 'Alibi' e, pela segunda vez em menos de uma semana no Atlântico, um 'Bad Romance' (Lady Gaga) cantado a meias entre cantor e público.

 

'The Kill' e 'Hurricane' faziam quase antever o presente final da banda para o público português. Quando Leto escolheu a dedo e a olho várias dezenas de fãs para subirem a palco e cantarem 'Kings and Queens' com eles. Uma invasão de palco controlada que não é assim tão comum numa sala como o Pavilhão Atlântico. Do outro lado, a loucura instalou-se nos milhares de pessoas que ficaram de fora do grupo de privilegiados que puderam privar com o grupo. E curiosamente, depois de Leto se despedir com a promessa de um regresso em breve, foram os próprios representantes do público que ficaram na boca de palco a receber a ovação final. Um aplauso mais que merecido para uma das estrelas da noite."

 

Rita Tristany

 


 

Vejamos:

 

- Quando o pano caiu diante dos meus olhos... Bem, nem imaginam a sensação.

- Fiquei na primeira fila com os meus amigos.

- Quando tirou o brilhante casaco azul, levantou a camisola e eu vi os seus abdominais :O

- Saudou-nos com uma língua de fora

- Quando o Jared saltou para cima do público no The Kill, eu fiquei a segurar-lhe as pernas, e sem querer, ele deu-me uma joelhada na cabeça.

- Ao tentar tocar-lhe nos abdominais, rasguei-lhe a camisola sem querer, e ele olhou para mim como quem dizia: "Marota!"

- Eu toquei-lhe no rabo O.o

- O Jared cheirava MESMOOOO bem!

- Tirou-nos uma foto para por no Twitter dele.

- Gravou um vídeo em que dizia que ninguém tinha aparecido no concerto e depois quando a câmara virou para o público, todos gritaram um grande HELLO!!

- A bandeira de Portugal que ele colocou ao pescoço era minha e dos meus amigos <3

- O Jared chamou-me ao palco desta maneira: "You, with the scarf, come to the stage", mas os seguranças não me foram buscar -.-

- O Nuno, o Pedro e a Mada foram ao palco cantar o Kings and Queens, e quando voltaram, o Nuu foi mesmo querido e ofereceu-me a garrafa de água do SHANOOOON!!

- O Jared apontou uma lanterna gigante para o público e seguidamente para os seus olhos.

- Por falar em olhos, os dele eram tãooo lindos e tãooo AZUIS <3

- Pelo meio ele gritou: "I love you, I love you, I love you, I love you, I love you".

- Houve uma chuva de papelinhos mesmo mágica.

- Fiz milhões de amigos. Como eu vos amo ECHELON.

- "Welcome to the 30 Seconds to Mars falmily Portugal!"

- Todo o concerto foi aconteceu mil e um segundos, todos eles marcados por momentos tão importantes.

- "Este foi, sem dúvida, o melhor concerto de toda a tour."- disse Jared.

- Antes de ter começado, já tinha acabado, todas as 10 horas passadas na fila compensaram, mas passaram demasiado depressa.

- No final, deixaram a promessa de uma visita em breve.

 

O Melhor Momento da minha Vida. Terei outro igual.




publicado por bourique às 15:57
link do post | Deixar um presentinho | favorito
|

Presentinho deixados:
De Emy a 17 de Dezembro de 2010 às 19:23
omg, amava ter ido *-*
ele atirou-se para o público ? :)


De WhySoSirius a 17 de Dezembro de 2010 às 20:26
Eu estou a gritar. Juro-te que estou. Tu e os teus amigos são as pessoas mais sortudas à face da Terra. Parece um sonho. E um dia, quando eles voltarem cá, eu estarei presente. TU VISTE OS ABDOMINAIS DO JARED!!TU TOCASTE-LHE. TOCASTE-LHE. OH MEU DEUS TU TOCASTE-LHE. COMO É QUE AINDA ESTÁS VIVA? EU ACHO QUE TINHA UM AVC.TU AGARRASTE-LHE NO RABO! NO RABO DELE! OH MEU DEUS. EU ESTOU HISTÉRICA. Desculpa o caps lock. OH MEU DEUS. TU CHEIRASTE-O. A QUE CHEIRAVA? ELE LEVOU A BANDEIRA? OH MEU DEUS. A TUA BANDEIRA. BEATRIZ, ELE CHAMOU-TE? EU ACHO QUE CAÍA PARA O LADO. Estou a chorar. Já ontem estava. Estou completamente doente por ter perdido esse espectáculo. TU TENS A GARRAFA DE ÁGUA DO SHANNON. O SHANNON. HOLY FUCK, I CAN'T HANDLE IT. I CAN'T.


De seekingbeautyindissonance.blogspot.com a 17 de Dezembro de 2010 às 20:34
OMG!!!!!
Foi lindo, e eu não fui.
:'(


De Madalena a 19 de Dezembro de 2010 às 20:07
foi, sem dúvida alguma, o melhor momentode toda a minha vida.
“I HAVE TO SAY SOMETHING: WE HAVE THE BEST FAMILY IN INTEIRE EUROPE AND IS RIGHT HERE” - Jared Leto @


De Madalena a 19 de Dezembro de 2010 às 20:08
*ENTIRE


Comentar post