.Vá, cusca lá =)
.Recently hearts

. E quem diz de que da dist...

. ...

. Lovers of my life.

.favoritos

. momentos

. Love Letter.

. natureza.

. #10

.pesquisar
 
.subscrever feeds
Domingo, 18 de Setembro de 2011
E quem diz de que da distância não pode brotar amizade?

 

Histórias... um delírio para a imaginação. Já me deparara inúmeras vezes com indivíduos que me contavam as suas experiências acerca dos milagres que presenciaram com esta banda. Escutava com atenção, ansiando por um dia em que pudesse ser honrada com tal privilégio. 

 

E era verdade tudo o que contavam.  Era verdade que lá, e apesar dos milhares de quilómetros de distância que nos separam, encontraríamos alguém que nos compreendesse.  Uma amizade para a vida.  Alguém que escutaria os nossos problemas, e no segundo a seguir nos aconselharia sábiamente, sem nunca nos julgar.  Alguém que ficaria feliz pelas nossas conquistas, nunca invejoso... Em suma, alguém que nos amasse de verdade, como de que de uma família se tratasse.  Alguém... 

 

Um milagre.  Porque apesar de tudo, não é todos os dias que encontramos uma casa... um lugar onde podemos ser nós próprios, onde podemos realmente viver o sonho, e acreditar que, apesar de tudo, o que era mau, pode desaparecer... E por instantes, nem que seja apenas por uma noite, ou tarde, quando estamos todos reunidos, o mundo faz sentido.  E todo o mal por que passámos, desaparece em míseros segundos.

 

Os melhores momentos a que tenho o brilhante privilégio de poder apelidar como "os melhores da minha vida", foram-me proporcionados por estes três indivíduos, e mais uns milhares de alminhas.  A quem me dirijo, não precisará de que, mais uma vez, os rotule pelo nome de que sempre são chamados (e que com muito orgulho, afirmam ser)... E por mais que tente transmitir a sensação que é pertencer a este enorme círculo social, a esta família (porque afinal de contas, e apesar de nem todos partilharmos o mesmo sangue, é isso que somos e porque família significa pura e simplesmente dar, amar e receber), teriam de se entregar de corpo e alma, como já milhões fizeram, para poderem alguma vez compreender o que estou aqui a tentar transmitir em meras palavras.



publicado por bourique às 18:32
link do post | Deixar um presentinho | ver comentários (3) | favorito
|